quinta-feira, 24 de maio de 2012

FESTA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS – PADROEIRO DO MUNICIPIO DE MONTE ALEGRE DE SERGIPE, DE 23/05 a 01/06/2012


A Igreja Católica, Apostólica, Romana de Monte Alegre de Sergipe,  Diocese de Própria celebra a festa do PADROEIRO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS que iniciou-se ontem, Quarta-Feira, dia 23 de maio de 2012 e culmina(encerramento) no próximo dia 01 de Junho de 2012, Sexta-Feira, organizada pelo Padre Edinaldo, Comissão organizadora e toda a comunidade montealegrense.
A devoção ao Coração de Jesus é uma das expressões religiosas mais difundidas e amadas da piedade popular. Ela se fundamenta na Sagrada Escritura, onde Jesus se apresenta como o mestre ”manso e humilde de coração” (Mt 11,29), que oferece abrigo para as pessoas cansadas e sofridas.  O golpe de lança que foi desferido pelo soldado quando viu que Jesus já estava morto e do qual resultou uma última gota de sangue e água, demonstra o grande amor de Deus pela humanidade. É o que expressa Santa Margarida Maria de Alacoque, a grande missionária da devoção ao Sagrado Coração de Jesus: “Eis aquele coração que tem amado tanto aos homens a ponto de nada poupar até exaurir-se e consumir-se para demonstrar-lhes o seu amor”.
São Leão, Papa, nos ensina “que a causa de nossa reparação não é senão a misericórdia de Deus, a quem não amaríamos se Ele  primeiro não nos tivesse amado e afastasse as trevas de nossa ignorância pela luz de sua verdade”.

E que expressão poderia melhor refletir essa verdade senão o Coração que se abre às almas devotas, dando-lhes a paz e para os pecadores um refúgio de salvação. Ainda mais, no Sangue que se derrama deste Coração, encontramos força e coragem para superar as dificuldades da vida.

Portando, o PADRE EDINALDO e a Comissão Organizadora, convida a todos os montealegrense para os festejos do Sagrado Coração de Jesus, padroeiro deste Município,  que está iniciando hoje, quarta feira, dia 23 de maio,  com o encerramento previsto para o dia 01 de junho de 2012, domingo,  com a seguinte programação:

Ø  Dia 23 de maio de 2012 – Quarta-Feira
ü  Juventude, Educação e EJC
§  Responsáveis: SUELY, ESTAIRLAN e CLEUSO
v  10h00min – Missa com as Escolas do Município
v  15h00min – Missa com as Escolas do Município
v  19h30min – Missa – Pe Francisco Luis de Ilha das Flores
v  21h00min – Arrastão

Ø  Dia 24 de maio de 2012 – Quinta-Feira
ü  Catequese e Pastoral da Criança
§  Responsáveis: JESSICA, CÉLIA  e NINA  
v  19h30min – Missa – Pe Marcio Gonzaga de Nossa Senhora da Glória  

Ø  Dia 25 de maio de 2012 – Sexta-Feira
ü  Apostolado da Oração, Mãe Rainha e Grupo de Idosos
§  Responsáveis: LUZINETE, CARMINHA e NEUSA  
v  19h30min – Missa – Pe Francisco Fabiano de Poço Redondo

Ø  Dia 26 de maio de 2012 – Sábado  
ü  ECC (Encontro de Casais com Cristo)
§  Responsáveis: G 5
v  19h30min – Missa – Pe Edinaldo – Pároco local

Ø  Dia 27 de maio de 2012 – Domingo
ü  Liturgia e Pastoral do Dizimo
§  Responsáveis: EUNICE, MARCOS e MARIA FARIAS
v  9h00min – Missa com Enfermos – Pe Edinaldo e Pe João Nascimento.
v  19h30min – Missa – Pe Edinaldo – Pároco local

Ø  Dia 28 de maio de 2012 – Segunda-Feira
ü  Comerciantes e Funcionários Públicos  
§  Loudinha, Miminha, Adrean e Nenê de Augusto
v  19h30min – Missa – Pe Edmilson de Canindé


Ø  Dia 29 de maio de 2012 – Terça-Feira
ü  Grupo de Oração e EFTEL (Escola de Formação Teológica para Leigos)
§  Responsáveis: Cicera, Cristina, Iracema e Suely
v  19h30min – Missa – Pe Melchizedech

Ø  Dia 30 de maio de 2012 – Quarta-Feira
ü  Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Comunidades e Grupo dos Missionários.
§  Responsáveis: MARIA JOSÉ (Presidente do Sindicato), Lideres de Comunidade e ELOI
v  19h30min – Missa – Pe Edinaldo – Pároco local

Ø  Dia 31 de maio de 2012 – Quinta-Feira
ü  Motorista e motoqueiros
§  VALDISON, NILTON, NADINHO, ANDRÉ e ENINHO
v  19h30min – Missa – Pe Edinaldo – Pároco local

Ø  Dia 1º de junho de 2012 – Sexta Feira
ü  Dia de festa
v  9h00min – Missa Solene – Pe Edinaldo – Pároco local
v 16h00min – Procissão Solene e Missa Campal – D. Mário, Bispo Diocesano

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Os Servidores Municipais de Monte Alegre de Sergipe sofrem uma crise de seca dupla...

Os funcionários da Prefeitura de Monte Alegre de Sergipe vêm sofrendo com a crise da seca dupla, diante de tamanha estiagem o Prefeito Municipal João Vieira de Aragão PMDB, atrasa os salários a mais de 30 dias. Um absurdo!. As leis do nosso pais são compridas, mas não cumpridas, haja vista que existe a sumula 381 do TST, que regulariza o pagamento do mês anterior até o 5º dia útil do mês subsequente, mas infelizmente não temos visto ser aplicado o rigor dessa lei para o empregador que a descumpre.

Dependendo do atraso, sim. No caso de salários atrasados, é preciso haver correção monetária (Súmula 381 do Tribunal Superior do Trabalho TST).
Súmula nº 381 - TST - Res. 129/2005 - DJ 20, 22 e 25.04.2005 - Conversão da Orientação Jurisprudencial nº 124 da SDI-1
Correção Monetária - Salário
    O pagamento dos salários até o 5º dia útil do mês subseqüente ao vencido não está sujeito à correção monetária. Se essa data limite for ultrapassada, incidirá o índice da correção monetária do mês subseqüente ao da prestação dos serviços, a partir do dia 1º. (ex-OJ nº 124 - Inserida em 20.04.1998)

Além disso, se o trabalhador comprovar ter sofrido prejuízo (danos materiais ou morais) pelo atraso (por exemplo, precisou contrair dívidas, teve que sujar seu nome, etc.), pode exigir indenização pela Justiça do Trabalho. E se os atrasos acontecerem mais de uma vez haverá falta grave do empregador, podendo o empregado pedir a rescisão do contrato.
O descumprimento da obrigação de pagar salários no prazo legal sujeita o empregador a multa administrativa, a partir da constatação pela fiscalização do trabalho, mas o valor dessa multa não reverte em favor do empregado.
Por fim, há o Precedente Normativo n° 72 do TST que prevê, em caso de atraso no pagamento de salário, pagamento de multa de 20% sobre o valor do salário se o atraso for de até 20 dias; e de 5% por dia se o atraso for superior esse tempo.
PN-72        MULTA. ATRASO NO PAGAMENTO DE SALÁRIO (positivo) Estabelece-se multa de 10% sobre o saldo salarial, na hipótese de atraso no pagamento de salário até 20 dias, e de 5% por dia no período subseqüente.
É intolerante quando em meio a essa catástrofe pela qual passa o Sertão Sergipano, os gestores em suas administrações usam de arbitrariedade, falta de consciência e desumanidade. Todo trabalhador é digno de seu salario, ainda, mas que temos conhecimento e é de conhecimento de todos, os repasses através do portal de transparência.
Enquanto a categoria espera uma definição rápida, vinda da Justiça para solucionar o problema, mesmo despois de denuncias podemos ouvir do próprio gestor falando de maneira prepotente que firmou acordo de regularização dos salários pendente com o MP, se comprometendo regularizar até dia 10/07/2012, como fica a PN 72 do TST?
PN-72        MULTA. ATRASO NO PAGAMENTO DE SALÁRIO (positivo) Estabelece-se multa de 10% sobre o saldo salarial, na hipótese de atraso no pagamento de salário até 20 dias, e de 5% por dia no período subseqüente.
Haja vista que a  Sumula 381 e PN 72 do TST sofre o descumprimento de maneira absurda!
Portanto, veja abaixo quanto o nosso município arrecadou só do FPM(Fundo de Participação do Município), repasse Federal.  



segunda-feira, 14 de maio de 2012

Monte Alegre em crise nas mãos de maus governantes

A crise que travessa o Sertão Sergipano com a grande seca, a qual vem causando muito transtorno, com a falta de alimento e água para os animais, o sol causticante, a falta de trabalho leva o sertanejo ao desespero, mas a coragem do homem do campo é tão grande que mesmo assim não desiste e finda sendo vitorioso quando deposita a sua fé no Divino Criador.
  Em Monte Alegre há um agravante maior, como se não bastasse a crise da seca, o atual Prefeito João Vieira de Aragão, PMDB, usa de arbitrariedade. Desde o mês de Junho de 2011, vem atrasando o salario dos Servidores Públicos Municipais, mas o pior aconteceu.  No mês de abril, não houve pagamento, de salário o último pagamento efetuado foi no dia 30/04/2012, correspondente ao mês de março. 30 dias em atraso. Hoje dia 14/05/2012. Os pagamentos foram efetuados como se estivessem em dia (sem multas, juros ou correções...), enquanto os cartões de créditos e todas as contas de consumo são acrescidos com juros, multas e correções em função dos atrasos no recebimento. Hoje 14/05/2012 ainda não percebemos os vencimento do mês de abril.
O mês de Junho é um mês festivo. As festas juninas é uma tradição, não podemos ignorar, mas em meio a uma crise tão seria pela qual estamos atravessando, já podemos ver cartazes com anúncios divulgando as bandas famosas que possivelmente animará o “Forró Alegre” Forró Alegre?... Jamais se pode expressar alegria quando a necessidade está predominando em nossas vidas... Principalmente quando são advindas de uma gestão Pública que não tem compromisso e desvaloriza o maior Patrimônio Público que é o funcionalismo Público, mas este patrimônio está dia após dia perdendo o seu valor por conta de uma gestão que trata só em desmoronar, destruir desvalorizar e desqualificar o Serviço e Público Municipal agindo de maneira incorreta, ou seja, como se fosse propriedade sua. Parece até que voltou a valer a lei da escravidão.
É intolerante quando em meio a essa catástrofe pela qual passa o Sertão Sergipano, os gestores em suas administrações usam de arbitrariedade, falta de consciência e desumanidade. Todo trabalhador é digno de seu salario, ainda, mas que temos conhecimento e é de conhecimento de todos, os repasses através do portal de transparência.
A Categoria espera uma definição rápida, os servidores não podem ficar com os salários atrasados, já entramos com um pedido do bloqueio das contas da prefeitura, para que o dinheiro que entre seja disponibilizado para o pagamento dos servidores, esperamos que a justiça tome as devidas providencias, fazendo valer a lei.
O Municipio recebeu uma receita no último dia 10 de maio a importância de R$ 1.053.575,06,  conforme pode ser visto  na seguinte fonte: https://www17.bb.com.br/portalbb/djo/daf/Demonstrativo,802,4647,4652,12,1.bbx 

  14/05/2012    SISBB - Sistema de Informações Banco do Brasil    08:16:24

MONTE ALEGRE DE SERGIPE - SE

FPM - FUNDO DE PARTICIPACAO DOS MUNICIPIOS
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

10.05.2012
PARCELA DE IPI
81.850,92 C
PARCELA DE IR
558.840,33 C
RETENCAO PASEP
6.406,90 D
INSS - EMPRESA
209.166,03 D
INSS-PARC-ADM
8.133,50 D
DEDUCAO SAUDE
96.103,67 D
DEDUCAO FUNDEB
128.138,24 D
TOTAL:
192.742,91 C

TOTAIS
PARCELA DE IPI
81.850,92 C
PARCELA DE IR
558.840,33 C
RETENCAO PASEP
6.406,90 D
INSS - EMPRESA
209.166,03 D
INSS-PARC-ADM
8.133,50 D
DEDUCAO SAUDE
96.103,67 D
DEDUCAO FUNDEB
128.138,24 D

DEBITO FUNDO
447.948,34 D
CREDITO FUNDO
640.691,25 C

ITR - IMPOSTO TERRITORIAL RURAL
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

10.05.2012
RETENCAO PASEP
1,12 D
DEDUCAO SAUDE
21,09 D
DEDUCAO FUNDEB
28,12 D
ITR-NAO CONVEN
140,60 C
TOTAL:
90,27 C

TOTAIS
RETENCAO PASEP
1,12 D
DEDUCAO SAUDE
21,09 D
DEDUCAO FUNDEB
28,12 D
ITR-NAO CONVEN
140,60 C

DEBITO FUNDO
50,33 D
CREDITO FUNDO
140,60 C

FUS - FUNDO SAUDE
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

10.05.2012
ORIGEM FPM
96.103,67 C
ORIGEM ITR
21,09 C
TOTAL:
96.124,76 C

TOTAIS
ORIGEM FPM
96.103,67 C
ORIGEM ITR
21,09 C

DEBITO FUNDO
0,00 D
CREDITO FUNDO
96.124,76 C

FUNDEB - FNDO MANUT DES EDUC BASICA E VLRIZ PROF EDUC
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

03.05.2012
ORIGEM IPVA
2.279,53 C
ORIGEM ITCMD
86,83 C
ORIGEM ICMS EST
43.912,74 C
TOTAL:
46.279,10 C

09.05.2012
ORIGEM IPVA
1.239,26 C
ORIGEM ITCMD
69,94 C
ORIGEM ICMS EST
43.217,21 C
TOTAL:
44.526,41 C

10.05.2012
ORIGEM ITR
12,23 C
ORIGEM IPI-EXP
84,32 C
ORIGEM FPE
164.072,47 C
ORIGEM FPM
61.643,92 C
TOTAL:
225.812,94 C

TOTAIS
ORIGEM ITR
12,23 C
ORIGEM IPVA
3.518,79 C
ORIGEM ITCMD
156,77 C
ORIGEM IPI-EXP
84,32 C
ORIGEM ICMS EST
87.129,95 C
ORIGEM FPE
164.072,47 C
ORIGEM FPM
61.643,92 C

DEBITO FUNDO
0,00 D
CREDITO FUNDO
316.618,45 C

TOTAL DOS REPASSES NO PERIODO

DEBITO BENEF.
447.998,67 D
CREDITO BENEF.
1.053.575,06 C


Rinaldo Santana